NOTÍCIAS

SINDIFISCAL/MS

24/09/2013

Receita Federal em MS recebe R$ 414 mi em agosto e arrecadação sobe 7,64%

A Receita Federal do Brasil em Mato Grosso do Sul registrou crescimento nominal de 7,64% em agosto de 2013, em comparação com o mesmo mês do ano anterior. O montante coletado pela Secretaria no Estado foi de R$ 414.131.132,00 em agosto deste ano, aumento de R$ 29,3 milhões quando comparado com agosto de 2012, que foi de R$ 384.754.829,00.
Segundo a assessoria de imprensa do órgão, a arrecadação fazendária alcançou o valor de R$ 218.161.262,00, o que representa um acréscimo de R$ 8.731.090,00 em relação a agosto de 2012. O crescimento nominal foi de 4,17 %.
Já a arrecadação de receitas previdenciárias somou R$ 195.969,870,00 com um aumento nominal de R$ 20.645.211,00 em relação ao mesmo mês do ano anterior, o que representa um incremento nominal de 11,78%.
Ainda de acordo com a Receita Federal, os setores econômicos que apresentaram incremento positivo da arrecadação Em Mato Grosso do Sul, no mês de agosto, foram: comércio varejista (R$ 4,4 milhões); extração de minerais metálicos (R$ 4,2 milhões); administração pública/ defesa e seguridade social (R$ 3,4 milhões); agropecuária e outros serviços (R$ 2,8 milhões); fabricação de produtos alimentares e bebidas (R$ 2,1 milhões); e educação (R$ 2 milhões).
Já os principais tributos e contribuições que apresentaram crescimento na arrecadação no Estado, em agosto, foram: contratação de previdência de empresas em geral – CNPJ (R$ 6,7 milhões); pagamento unificado, (R$ 5,8 milhões); contratação previdência de órgãos poder público – CNPJ, (R$ 4,4 milhões); IRRF – Rendimentos do Trabalho, (R$ 3,3 milhões); contratação previdência produção rural – CNPJ (R$ 3,3 milhões); contribuição previdenciária – RGPS (R$ 2,6 milhões); contratação previdência empresas optantes pelo SIMPLES (R$ 2 milhões); e IRPJ – não obrigadas à apuração lucro real (R$ 1,8 milhões).

 

 

 

MAIS

NOTÍCIAS

SINDIFISCAL/MS